sábado, 9 de julho de 2011

" Há dias que a gente se sente /como quem partiu ou morreu..."

Canção


Pus o meu sonho num navio
e o navio em cima do mar;
- depois, abri o mar com as mãos,
para o meu sonho naufragar


Minhas mãos ainda estão molhadas
do azul das ondas entreabertas,
e a cor que escorre de meus dedos
colore as areias desertas.


O vento vem vindo de longe,
a noite se curva de frio;
debaixo da água vai morrendo
meu sonho, dentro de um navio...


Chorarei quanto for preciso,
para fazer com que o mar cresça,
e o meu navio chegue ao fundo
e o meu sonho desapareça.


Depois, tudo estará perfeito;
praia lisa, águas ordenadas,
meus olhos secos como pedras
e as minhas duas mãos quebradas.

Cecília Meireles

Amanhã 10/07 Bazar da Colette-Imperdível!!


Pessoal, as informações sobre o bazar que a Colete fará no próximo domingo,dia 10 de julho, estão abaixo relacionadas. Acrescento que o ônibus que vai até lá é o 2212-A e pára em frente à QUADRA DA ASSOCIAÇÃO DO JARDIM ATLÂNTICO, à rua Expedicionários.
O número da quadra é 420, e não 20, acontece que o 4 está meio apagado e fica parecendo que é 20. No bazar serão vendidas roupas infantis e de adulto, novas e também usadas, além de inúmeras utilidades domésticas, com preços incrivelmente baixos, a partir de R$0,50 (cinquenta centavos). Vale a pena ir até lá neste domingo. Vocês vão poder adquirir muita coisa boa e barata e, o mais importante, ajudar a Colete a cuidar de seus 19 cães, alguns precisando urgentemente de tratamento.Fone 9501-5040
Obrigada e um ótimo domingo para todos.Abçs, Luísa.

GATOS

Olá,
Convidamos você para participar do “Encontro dos Voluntários” dos gatos do Parque Municipal.
Na ocasião, conversaremos sobre os sucessos e as dificuldades encontradas nos últimos tempos. Alimentação, saúde, segurança e futuro são alguns dos tópicos.
O encontro será no: 10 de julho, domingo as 16:30h
Rua Domingos Vieira, 587 / 3º andar - Santa Efigênia
Sugerimos e agradecemos pelas doações de:
- patê para gato / ração úmida (para misturar a remédios na medicação dos gatos do Parque);
- medicamento Enrofloxacino (antibiótico administrado após a castração).
Mais informações:
(31) 8561-6123(oi) – falar com Geralda
(31)8579-5202(oi) – falar com Virginia
(31) 9150-6251 – falar com Mônica

Até lá!!!

“Quando as alterações no ambiente parecem uma ameaça à existência humana, devemos nos lembrar de que a causa dos males se encontra, com freqüência, na vida das próprias pessoas!” Daisaku Ikeda


quarta-feira, 6 de julho de 2011

Leishmaniose: Projeto prevê fim do sacrifício de animais

Amigos,
Dêem sua opinião no site do deputado.
É importante mostrarmos apoio ao Projeto de Lei.
abs
Vivi




http://www.acritica.net/index.php?conteudo=Noticias&id=44006

Leishmaniose: Projeto prevê fim do sacrifício de animais

Segunda, 04 de Julho de 2011 - 11:20
Foto: Divulgação
Se projeto for aprovado pela Câmara Federal, eutanásia canina não deverá mais ser ministrada

O deputado federal Geraldo Resende (PMDB-MS) apresentou na Câmara projeto que prevê o fim da obrigatoriedade de sacrifício de animais infectados pela leishmaniose. De acordo com a proposta do deputado, o sistema de saúde pública deve implantar uma política nacional de vacinação e tratamento de animais.

“O debate sobre o tema é fundamental. Esta doença está em 12 países da América Latina, mas 90% dos casos são registrados no Brasil”, nota o deputado, para quem é possível estabelecer um programa de tratamento em à eutanásia canina. “A prática do sacrifício indiscriminado é inaceitável na Europa. Em diversos países existem estudos científicos e mobilização de médicos veterinários e criadores de cães contra esta ação”.
Segundo Geraldo Resende, o combate ao vetor praticado em nível doméstico tem eficácia temporária, pois utilização de inseticidas nas casas perde o efeito depois de algum tempo. “É importante a decisão política de disponibilizar orçamento para o combate ao mosquito transmissor. É um caso de saúde pública como a dengue”, diz.
“O sacrifício de cães é mais maléfico que benéfico, já que por motivações afetivas ou econômicas, muitos proprietários se recusam a entregar seus animais e os escondem, colocando a população em risco”, diz o deputado, lembrando que existe tratamento. “Há diversos protocolos de trabalhos científicos exitosos nesta área, além disso, me parece mais racional tratar a exterminar cachorros e gatos. Proponho a vacinação dos animais, bem como a possibilidade de curar os animais infectados”.
Doença - Leishmaniose é uma doença parasitária transmitida pela picada do mosquito infectado. A doença afeta animais domésticos, urbanos e silvestres. Para cada ser humano contaminado estima-se que há uma média de 200 cães infectados. Existem dois tipos de leishmaniose: a tegumentar, que se caracteriza por feridas na pele, e a visceral, que ataca vários órgãos internos.
Os sintomas variam de acordo com o tipo da leishmaniose. No caso da tegumentar, surge uma pequena elevação avermelhada na pele que vai aumentando até se tornar uma ferida que pode estar recoberta por crosta ou secreção purulenta. Há também a possibilidade de sua manifestação se dar através de lesões inflamatórias no nariz ou na boca. Na visceral, ocorre febre irregular, anemia, indisposição, palidez da pele e mucosas, perda de peso, inchaço abdominal devido ao aumento do fígado e do baço.

Quem resiste a essa carinha?





" Eu sou a Lua e preciso de um Lar Amoroso. Tenho cerca de 45 dias de vida e fui abandonada na rua, estava quase morrendo, pois sou indefesa e tinha muito frio e fome. Minha amiga Lu me resgatou e está cuidando de mim, mas mora em um apartamento que não pode ter animais.
Quero muito encontrar um dono, sou uma cachorrinha muito esperta, amorosa e muito dengosa, adoro ter e fazer companhia.
Recebi o nome de Lua, para que, inspirada na Lua Nova (a lua do dia qdo fui salva), eu tenha sorte de ter uma nova vida!
Faça esse gesto de amor, me adote! Eu te darei muito amor também! Como sou bebezinha, estou na fase de me moldar ao novo lar, brincar com crianças e começar a ter laços fortes de amizade! "
Olá, eu resgatei a Lua e afirmo que ela é uma cachorrinha muito linda, carinhosa e dócil demais! Tudo indica que ela terá o porte pequeno. Entregarei vermifugada e vacinada. Levo onde for preciso. Luciana Dietze , 9283-5702, 3482-2296, 3263-5816. Grata!!

VIII Feira de Adoção-PMBH/CCZ/ONGS

"ADOTE UM AMIGO"  na feira de adoção do dia 9 de julho,
rua São Gonçalo, 1073.
Você ficará feliz e ele também!
Divulgue! Um pequeno gesto faz grandes transformações!


"As coisas que queremos e parecem impossíveis só podem ser conseguidas com uma teimosia pacífica".

Mahatma Gandhi



segunda-feira, 4 de julho de 2011

domingo, 3 de julho de 2011

CONTROVERSO RESGATE RIBEIRÃO ARRUDAS BH


Graça
Envio as fotos da cadela que resgatamos no Rio Arrudas. Ela está internada, recebendo medicamentos. Foi feito raio-x e foi comprovada a fratura no fêmur, provavelmente sofrida na queda. Está indicado cirurgia ortopédica com utilização de placas e pinos. Ainda não sabemos o valor exato do gasto.Rosali--Contagem


Dia 29/06/2011-16 horas -A grande protetora Rosali de Contagem me ligou dizendo que uma amiga passara pela Av. Teresa Cristina e vira um cachorro jogado lá dentro do Ribeirão Arrudas, próximo à Drogaria Araújo.

Ela sabendo que eu morava próximo pediu-me para ver as condições do animal, caso tivesse vivo ela o internaria numa Clínica.
Saí, localizei o animal que estava deitado e de longe, não dava para ver se estava vivo ou morto.
.
Voltei, fui à casa de Teresa, no aglomerado, peguei pedaços de frango, levei e atirei p/ o animal que prontamente levantou e comeu.Percebi que estava vivo porém, magro e mancando da pata traseira.

Então, mais ou menos, às 17 horas, liguei para 193 e pedi a ajuda dos Bombeiros e obtive resposta positiva.

Enquanto isso, Rosali, deslocava-se de Contagem e enfrentava o constante engarrafamento das tardes de BH.Lá pelas 18 horas ela e sua filha Isabela chegaram e ficamos aguardando a vinda dos Bombeiros

Eis que nos liga o Tenente Leonard Farah,inusitadamente, comandante do Grupo de Busca e Salvamento com cães (Fiquei sabendo desta informação, posteriormente pelo Jornal Hoje em Dia de 03/07que coincidentemente trouxe interessante matéria com ele)

Tenente Farah como se identificou, nervoso, me perguntou se eu era a proprietária do cão que queríamos que fosse resgatado.Eu disse que não. Ele perguntou se o dono estava por perto.Eu pressentindo que ele não estava com muito boa vontade, disse que a proprietária dele estava perto sim e passei o celular para Rosali. Ele perguntou, novamente, se o cão era dela, ela negou mas disse que iria levá-lo e cuidar dele.O Tenente ficou mais nervoso ao ver que estávamos mentindo e perguntou à Rosali porque ela não estava cuidando de gente.
Ela, educadamente o chamou de "meu filho" e lhe explicou que ela era da área da saúde e que desde os dezessete anos até a idade que ela estava, beirando os sessenta anos se dedicou às pessoas e que agora era um direito dela querer ajudar os animais.

Ele então perguntou-lhe se nós tínhamos noção de que estávamos pondo em risco a integridade física dos Bombeiros, colocando suas vidas em contato com as águas poluídas do Ribeirão Arrudas e que naquele momento poderiam estar salvando vidas e não cachorros.E que quem fez a solicitação que desfizesse.E desligou o telefone, abruptamente.

Ficamos com cara de tacho! Como assim, bombeiros treinados para riscos, se contaminar? O cão não estava nem dentro do Córrego mas às margens!

Liguei para Franklin que estava numa reunião mas mesmo assim disse para não suspender o chamado.

Ficamos sem saber o que fazer já pensando na possibilidade de deixar aquele animal debilitado ali, passar a noite e nem sabíamos há quanto tempo alí estava.

Já eram umas 19:30 hrs. Nisto, toca meu celular e ouço, do outro lado a voz gentil de um bombeiro me perguntando se eu ainda os aguardava e que já estavam à caminho.

Nossa!!! Como assim!! Não estávamos entendendo nada!! Ficamos surpresas, agradecemos imensamente e os ficamos aguardando.
.
Eles chegaram, calmamente,4 bombeiros muito jovens e educados. Estudaram o local, as condições, empunharam seus equipamentos com perícia, desceram, prepararam o animal, minuciosamente e o trouxeram são e salvo.

Não tínhamos palavras para agradecer aqueles jovens que em momento algum reclamaram ou questionaram o salvamento daquele animal. Cumpriram sua missão, da melhor maneira como todos nós cidadãos esperamos e neles depositamos toda nossa confiança e esperança.Pensei em comentar com eles sobre o superior mas não quisemos embaçar a beleza daqueles momentos.
Cabo Edvaldo, Soldado Vieira e Soldado Chagas-POSTO AVANÇADO DO BAIRRO SANTA LÚCIA- Em nome de todos os protetores dos animais de BH lhes agradecemos e desejamo-lhes muito sucesso em suas carreiras.
Ao Tenente Leonard Farah esperamos que reveja seus conceitos, principalmente no que tanje aos direitos concedidos aos animais pela Constituição Federal que fala " que os animais são tutelados pelo Estado" são vidas e devem ser cuidadas e preservadas.

Enfim, o cãozinho estava fraco, sedento e faminto, com suspeita de fratura foi levado para uma Clínica em Contagem, ficando o ònus por conta de Rosali.Quem puder ajudar entre em contato com ela através do fone 9184 7677

Eram, por volta das 20:30 quando nos despedimos com a ótima sensação de mais uma vida salva e de que quando fazemos o bem o Universo conspira a nosso favor!